Sangramento Uterino Anormal (SUA)

Você já ouviu falar sobre Sangramento Uterino Anormal, também conhecido pela sigla SUA? Embora não seja algo tão incomum entre as mulheres, acredito que seja interessante trazer este assunto e esclarecer alguns pontos importantes. Porém, lembre-se que este post não substitui a visita a um profissional ginecologista, pois somente profissionais poderão passar um diagnóstico exato do sangramento. Então vamos lá!

O que é

SUA nada mais é do que uma perda sanguínea excessiva e que pode ter repercussões físicas, emocionais, sociais e materiais na qualidade de vida da mulher. A definição e nomenclatura do ciclo menstrual da mulher é feita levando-se em conta a frequência, a regularidade, o volume e a duração dos dias de sangramento.

A frequência

  • Ausente (sem menstruação) = amenorreia
  • Frequente: menor que 24 dias
  • Normal: de 24 a 38 dias
  • Infrequente: maior que 38 dias

 

O volume

  • Aumentado
  • Normal
  • Diminuído

 

A regularidade

  • REGULAR: dizemos que o ciclo é normal quando o ciclo mais longo menos o ciclo mais curto é de até 9 dias.
  • IRREGULAR: quando o ciclo mais longo menos o mais curto = 10 dias ou mais

 

A duração

  • Prolongado: maior que 8 dias
  • NORMAL: O sangramento dura até 8 dias

 

As causas do Sangramento Uterino Anormal

As causas podem ser algum problema na anatomia do útero, como Pólipos, adenomiose, miomas ou até neoplasias (PALM), ou problemas sistêmicos como coagulopatias, disfunções ovulatórias, causas endometriais, Iatrogênicas (quando causada por ex. pelo uso de alguma medicação) ou não classificadas as causas (quando não conseguimos classificar o que causou o problema).

Para definir o tratamento precisamos definir primeiro a causa por meio de exames complementares, que vão do exame físico, ginecológico, laboratoriais, ultrasson e até exames mais complexos como tomografia, ressonância magnética e investigação de coagulopatias.

Se você estiver com algum sangramento anormal que possa ser da região uterina, consulte um(a) ginecologista. Ele(a) poderá ajudar você a descobrir a causa e tratar do problema. Este post foi útil para você? Então deixe seu comentário aqui embaixo! 🙂

 

Fonte da imagem: Freepik [https://br.freepik.com/fotos-vetores-gratis/mulher]